Cadastro no CADSOL e Formalização da Economia Solidária

Essa semana foi iniciada o processo de inscrição no CADSOL junto com os empreendimentos solidários na busca de facilitar a inserção dos mesmos nesse sistema e desta forma facilitar a inscrição deles em outros editais a nível Estadual e Municipal.

Atualmente no Brasil há mais de 160 Fóruns e mais de 200 municípios que possuem gestores da Economia Solidária. A atividade é bastante difundida no Brasil e atualmente é composta de Conselhos e Fóruns coordenando mais de 3.000 mil empreendimentos. É uma forma de produção que visa à sustentabilidade, autogestão, independência e equidade entre os grupos produtivos.

A importância do cadastro dos artesãos, consiste na importância em adquirirem mais autonomia na busca de disputarem os mais variados editais e de se integrarem tanto a rede de Economia Solidária municipal, quanto estadual.  Às inúmeras feiras da Economia Solidária que acontecem no Brasil tem o objetivo de proporcionar a multiplicação e a dispersão dessa prática no território nacional.  Nesse sentido atua desenvolvendo uma perspectiva criativa e sobrevive através das atividades autogestionadas. Atua de forma positiva a desenvolver em seus componentes uma relação com o trabalho menos alienante, na medida em que os seus integrantes, desenvolvem seus trabalhos dentro de um universo produtivo e social no qual estão inseridos, valorizando traduzindo no artesanato a leitura da sociedade que os circundam. Os grupos variam das mais diversas atividades e por isso a Economia Solidária é formada por artistas, músicos, e artesãos, pessoas que movimentam e estão inseridas no mercado cultural.

No momento foi apresentado o formulário de inscrição como também iniciado os procedimentos para a o cadastro das artesãs que confirmaram o interesse e de multiplicarem a sua rede produtiva.

I EXPOCHITAS – FEIRA CULTURAL DA ECONOMIA SOLIDÁRIA

Em 2001, no dia 25 de janeiro, quando houve a realização do I Fórum Social Mundial, 1500 pessoas se acotovelaram em uma das Oficinas chamada: “Economia Popular Solidária e Autogestão, a partir do interesse em organizar e articular um Fórum Internacional sobre Economia Solidária criou-se uma necessidade de elaborar um Grupo de Trabalho em articular os interesses da Economia Solidária.

No ano de 2002, foi lançada uma carta aos Brasileiros “Economia Solidária uma Estratégia de Política ao Desenvolvimento”, na qual foi criada a “Secretaria Nacional de Economia Solidária do Ministério do Trabalho”.

É uma forma de produção que visa à sustentabilidade, autogestão, independência e equidade entre os grupos produtivos. É feita de forma autogestionada, solidária e participativa.

Nesse sentido, a Economia Solidária atua desenvolvendo uma perspectiva criativa e se mantém através das atividades autogestionadas. Atua de forma positiva a desenvolver em seus componentes uma proposta de trabalho menos alienante na medida em os seus integrantes desenvolvem seus trabalhos dentro de um universo produtivo e social no qual estão inseridos.

Os grupos variam das mais diversas atividades e por isso a Economia Solidária é formada por artistas, músicos e artesãos, pessoas que movimentam e estão inseridas no mercado cultural. A Economia Solidária surgiu como uma alternativa a crise do capitalismo e tende a proporcionar aos seus componentes mecanismos de não exploração do trabalho, sendo todos os componentes sócios dos empreendimentos.

Nesse sentido proporcionar a manutenção e o fortalecimento das feiras da Economia Solidária são de suma importância para a compreensão das políticas culturais no município. Em destaque, ressaltamos uma feira produzida pelas artesãs de Jaboatão Centro, a I Expochitas que vem destacar a produção de variados produtos a partir da chita como forma de conservar e manter viva a tradição cultural de produtos feitos a partir deste tecido. A Feira contou com mais de 15 barracas, expondo produtos que vão desde utensílios domésticos as mais variadas bijuterias, todos produzidos a partir da chita. O evento foi realizado na Casa da Cultura localizado em Jaboatão Centro/PE.

Nesse sentido a I Expochitas vem destacar e valorizar a cultura local da região reconhecendo e relembrando a nossa história, construindo novos saberes e reinventando novas linguagens a partir de uma nova perspectiva que visa, incluir essa produção dentro de um novo contexto social e cultural, resgatando os princípios pensados pela Economia Solidária, desde o momento de seu surgimento, no momento da criação dos Fóruns e dos princípios norteadores da Economia Solidária no Brasil.

A Secretaria Executiva de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo do Jaboatão dos Guararapes disponibiliza, por meio da Agência do Trabalhador, 36 vagas para profissionais da área de Saúde.

A Secretaria Executiva de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo do Jaboatão dos Guararapes disponibiliza, por meio da Agência do Trabalhador, 36 vagas para profissionais da área de Saúde.

Entre as oportunidades, há vagas para técnico de enfermagem, farmacêutico e assistente social. Interessados devem deixar currículo em qualquer um dos postos de atendimento da Agência do Trabalhador do Jaboatão dos Guararapes.

A seleção será realizada na próxima sexta-feira (31), na agência do Jaboatão Centro.

Mais informações pelos números: (81)3481-1099 e 3481-5338.

AGÊNCIA DO TRABALHADOR DE GUARARAPES PASSA A FUNCIONAR PROVISORIAMENTE NA REGIONAL PRAZERES

A Secretaria Executiva de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo da Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes informou, nesta quarta-feira (29), que, em razão da necessidade de realização de obras de reforma no espaço que irá abrigar a Regional Guararapes, o posto de atendimento da Agência do Trabalhador da unidade foi provisoriamente realocado para a Regional Prazeres, localizada na Rua Santo Elias, 124, Cajueiro Seco.

O posto oferece serviços de intermediação de mão de obra, seguro desemprego, emissão de carteira de trabalho e palestras de orientação profissional. O atendimento é realizado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 16h. Mais informações pelo número (81) 3378-1783.

 

PREFEITURA DO JABOATÃO VIABILIZA IMPLANTAÇÃO DO INSS DIGITAL NO MUNICÍPIO

A Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Sustentabilidade, e o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), firmaram acordo de cooperação técnica e viabilizaram a implantação do INSS Digital no município. Jaboatão dos Guararapes é a primeira cidade da Região Metropolitana a contar com a ferramenta, criada com o objetivo de modernizar serviços e melhorar o atendimento aos cidadãos. A partir de agora, beneficiários do INSS precisarão comparecer ao posto instalado na Agência do Trabalhador de Jaboatão Centro no dia agendado apenas para levar documentos para serem digitalizados, recebendo, em seguida, um número do protocolo de requerimento para acompanhar, via internet, o andamento do pedido.

A tramitação eletrônica torna mais ágil a análise de requerimentos, tornando possível, inclusive, que todos os serviços prestados pelo INSS que precisem apenas de avaliação administrativa possam ser realizados a distância. Outro benefício da ferramenta é que, nesse modelo, o atendimento para recepção e digitalização dos documentos leva apenas cerca de 20 minutos, facilitando, assim, a vida do trabalhador e aumentando a eficiência da máquina pública.

De acordo com o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Sustentabilidade, Sidnei Aires, a medida foi pensada e implantada com o objetivo principal de facilitar a vida da população.

“Agora, o beneficiário só vai precisar se dirigir a uma unidade de atendimento do INSS para realizar perícias e/ou outros procedimentos mais complexos. A nossa gestão está disponibilizando o espaço e os funcionários para orientar os usuários, inclusive sobre como localizar processos via internet, tudo pensado a fim de desburocratizar a máquina pública e beneficiar a vida do jaboatanense”, explicou o gestor.

Os serviços do INSS Digital estão disponíveis à população das 8h às 12h, na Agência do Trabalhador do bairro de Jaboatão Centro, localizada na Avenida Barão de Lucena, S/N. Mais informações pelos números (81) 3481-1099 e 3481-5338.

Secretaria de Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo do Jaboatão dos Guararapes, divulga vagas de trabalho na área de saúde

A Secretaria Executiva do Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo do Jaboatão dos Guararapes divulgou, na manhã desta quarta-feira (22), 74 vagas de trabalho para o Hospital e Maternidade Armindo Moura, em Moreno.

Entre as oportunidades, vagas para médico plantonista, médico infectologista, fisioterapeuta e enfermeiro. Interessados devem deixar currículo em qualquer um dos postos de atendimento da Agência do Trabalhador do Jaboatão dos Guararapes.

A seleção será realizada na próxima sexta-feira (24), na Agência do Trabalhador de Jaboatão Centro.

Mais informações pelos números: (81) 3481-1099 / 3481-5338.

JABOATÃO AMPLIA SERVIÇO ONLINE PARA SOLICITAÇÃO DE CARTEIRA DE TRABALHO

A Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes anunciou, nesta quinta-feira (15), a ampliação do serviço de agendamento eletrônico para solicitação de emissão de carteira profissional. A ferramenta, pioneira no estado, possibilita aos trabalhadores do município requerer, via internet, a confecção do documento. A partir de agora, além da Agência do Trabalhador de Jaboatão Centro, as sedes das regionais de Piedade, Curado e Cavaleiro estarão à disposição da população para receber os documentos requisitados no ato da solicitação online.

Para solicitar o serviço, basta que o cidadão acesse o site: trabalho.jaboatao.pe.gov.br, para dar entrada no processo de obtenção do documento. Após o agendamento eletrônico, é preciso apenas que o interessado compareça na data, hora e local informados para entregar a documentação requisitada. Empresários, por sua vez, terão no site mais uma opção para contratar profissionais, informando o perfil que procuram e as vagas disponíveis. Em seguida, será realizado um levantamento e o empregador receberá todas as informações requisitadas via e-mail.

“O serviço que foi disponibilizado inicialmente pela Agência do Trabalhador de Jaboatão Centro foi ampliado para atender ainda mais a necessidade do trabalhador. O objetivo da iniciativa é agilizar o serviço, reduzindo o tempo de espera nas filas de atendimento ao público, simplificando a vida de quem precisa do documento”, informou Roberta da Fonte, gerente da Secretaria Executiva do Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo do Jaboatão dos Guararapes.

Por meio do site também é possível acompanhar todos os serviços oferecidos pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Sustentabilidade, como capacitação de mão de obra, cursos gratuitos, vagas de trabalho, projetos de geração de renda, entre outros.